KAMBALA SOBRE GOLO QUE TIROU O TÍTULO AO KAIZER CHIEFS: “ALGUNS DISSERAM QUE NÃO GOSTAM DE MIM”

O Internacional moçambicano Manuel Kambala ao serviço do Baroka FC, disse ter recebido diversas mensagens tanto encorajadoras, mas também negativas, após o tento anotado na temporada passada que impediu ao Kaizer Chiefs de conquistar o título da primeira liga sul-africano de futebol.

Em desafio da última jornada da Premier Soccer League(PSL), a principal prova futebolística da vizinha África do Sul, realizada no passado dia cinco de Setembro de 2020, e que terminou empatada a uma bola, Kambala foi tido como “herói de Limpopo”, ao converter aos 59′ o tento de empate que permitiu a manutenção da sua equipa, e por outro lado, o “culpado” por ter tirado o título ao Kaizer Chiefs que precisava de uma vitória para conquistar o troféu da maior prova de futebol daquele país, (que acabou por cair nas mãos do Mamelodi Sundows).

Diante desse cenário, o jogador de 29 anos revelou ao KickOff.com, que recebeu diversas mensagens, algumas boas por parte do seu clube, e outras não muito boas por parte dos rivais:

“Recebi muitas mensagens, mensagens diferentes(…)Algumas vieram dos adeptos do Baroka, algumas vieram do Chiefs. Algumas foram encorajadores como sim, você marcou um bom golo e alguns disseram que não gostam de mim porque eu marquei aquele golo(…)Eles enviaram mensagens no meu Instagram e Facebook. As mensagens dos apoiadores do Kaizer Chiefs foram negativas, obviamente [risos]. Mas havia um adepto do Pirates que disse, Sim gostei do que você fez porque não gosto do Chiefs. Pelo menos o Sundowns ganhou a liga porque adeptos do Chiefs falam demais” revelou o moçambicano acrescentando que “logo após o apito final os jogadores do Chiefs me parabenizaram. Sim, esse foi meu melhor golo no PSL porque nos salvou do rebaixamento. Foi um golo que decidiu a temporada. É por isso que digo que é meu melhor golo“.

Sobre as supostas ameaças o moçambicano avançou que: “(…)há apenas um jovem que conheci em uma loja no Mall of the North que disse: ”Ei, meu homem, você nos matou com aquele seu golo, nós o mataremos.” Mas depois disso ele disse: ”Não, estou apenas brincando”. Foi só aquele que me ameaçou [risos]”rematou.

Manuel Kambala é um dos melhores jogadores moçambicanos da actualidade, a actuar na vizinha África do Sul.

NÓS VIVEMOS O DESPORTO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.