LUIS GONÇALVES: “TEMOS QUE SEGUIR EM FRENTE COM QUEM ESTÁ PRESENTE”

O seleccionador dos Mambas Luís Gonçalves comentou as ausências dos moçambicanos que militam no estrangeiro, demonstrando confiança nos jogadores disponíveis para atacar a selecção Cabo Verdiana, em desafio da última jornada do grupo “F” de qualificação ao Campeonato Africano das Nações, edição 2021.

TEXTO: ELTON VALDEMIRO

A derrota em Kigali ainda está na memória mas, segundo o selecionador nacional, o grupo de trabalho está focado no desafio da próxima terça-feira (30/03), diante dos tubarões azuis que venceram em casa, nesta terça-feira(26/03) os camaroneses por (3-1).

“A expectativa é ganhar e é isso que temos que fazer, e neste jogo temos uma hipótese que é vencer e mesmo assim temos que esperar o resultado entre camarões e Ruanda, portanto, Ruanda não pode vencer o jogo com Camarões. O grupo está triste porque perdemos o jogo com Ruanda, embora tínhamos feito tudo para vencer, não correu da melhor forma (…) e isso é passado estamos focados no próximo jogo, estamos a trabalhar (…) apesar do desaire, o ambiente no grupo é de consciência de que nós temos de trabalhar muito para alcançar o objectivo” começou por dizer.

Em relação as ausências confirmadas de Mexer e Reinildo, Luís Gonçalves afirmou que

“Eu nunca dessistí de que eles viessem, mas de qualquer forma, nos dias que fomos para o Ruanda, focamo-nos no nosso trabalho e valorizei no máximo os jogadores que estão, e os que foram chamados no jogo com Ruanda jogaram nas posições de Mexer e Reinildo deram uma boa resposta, acredito que até na terça-feira também vão dar uma boa resposta, é o que temos, temos que ir em frente com o quem está” rematou .

Com a vitória de Cabo Verde nesta sexta-feira, sobre o Camarões por (3-1), os mambas passaram a ocupar a última posição com 4 pontos, frutos de uma vitória, um empate e três derrotas. Já o Ruanda, ocupa a terceira posição com 5 pontos. Os crioulos estão na segunda posição com 7 e Camarões continuam líderes do grupo com 10 pontos.

O combinado nacional tem a obrigação de vencer na próxima jornada Cabo verde no Estádio Nacional do Zimpeto e esperar que o Ruanda perca com os leões indomáveis na próxima terça-feira.

NÓS VIVEMOS O DESPORTO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.