ALEMÃ MALAIKA MIHAMBO E MEXICANA AREMI FUENTES ZAVALA ’’AGITAM’’ REDES SOCIAIS EM MOÇAMBIQUE

Mihambo e Zavala são dois apelidos muito comuns em pessoas de nacionalidade moçambicana, oriundas da província de Inhambane, sul de Moçambique. Os apelidos em questão pertencem igualmente a duas atletas olímpicas, falamos da alemã Malaika Mihambo de 27 anos, campeã olímpica do salto em comprimento, nos Jogos de Tóquio 2020, e de Aremi Fuentes Zavala de 28 anos, medalha de bronze no levantamento de peso mexicana dos 69 e 76 kg.

A proximidade nos apelidos, esta a dar de falar, nas redes sociais onde há quem que diga que:

’’Ao que parece, houve outros mais atletas moçambicanos, além dos dez (10) anunciados, como integrando a nossa delegação nos Jogos Olímpicos de #Tokyo2020. Porém, os mesmos participaram em representação de outras nações. Vejam-se os casos da Malaika Mihambo, da Alemanha e Aremi Fuentes Zavala, do México. As duas atletas têm apelidos muito comuns em Inharrime e Zavala, ambos na província de Inhambane, o que adensa a ideia de que nas veias destes atletas, corre sangue moçambicano. #Mihambo, em cicopi é batata doce. #Zavala, não sei do que se trata, mas, seguramente terá algum significado, como a maioria dos nossos apelidos’’ escreveu um internauta.

Dentre as duas aletas, a que tem raízes africanas é Malaika Mihambo, cujo Pai é tanzaniano. O dado foi confirmado pela embaixada alemã em Dar es Salaam, que parabenizou a atleta pela conquista do ouro em Tóquio 2020, referindo que metade da medalha pertence à Tanzânia. Por lado Zavala, é um nome comum entre os mexicanos.

NÓS VIVEMOS O DESPORTO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.