APÓS 171 DIAS GAÚCHO E O IRMÃO “LIVRES”

O antigo internacional brasileiro, Ronaldinho Gaúcho e o seu irmão, Roberto de Assis, foram libertados após 171 dias presos em Assunção em Paraguai.

TEXTO: LEOVEGILDO DA CRUZ

O processo de liberdade de Gaúcho e o irmão, só foi possível mediante o pagamento de uma fiança que rondou os 170 mil euros (76 mil para o antigo internacional brasileiro, 94 mil para o irmão).

Ronaldinho e o irmão foram detidos a seis de Março depois de terem tentado entrar com passaportes falsos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.