Moçambique vai, afinal, disputar o Afrobasket 2021, em seniores femininos. 24 horas após a Federação da modalidade anunciar a desistência por falta de dinheiro, o Governo, através da Secretaria de Estado do Desporto, garantiu que há fundos para custear a deslocação e alojamento em Yaoundé, nos Camarões.

Recorde-se que a FMB, precisava de cerca de 10 milhões de meticais para a preparação completa do combinado nacional.

As “Samurais” que procuram defender o quarto lugar no torneio pré-olímpico que decorreu na Sérvia em 2020, estream-se no Afrobasket no dia 18 de Setembro, defrontando a Nigéria.

[[EM ACTUALIZAÇÃO]]

NÓS VIVEMOS O DESPORTO!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here